Bangkok

Estamos no coração de Bangkok. Mais especificamente, no meio de Chinatown.

Chegamos ontem de madrugada e a cidade ainda vibrava com o trânsito intenso e cintilava ao reflexo dos infinitos letreiros de neon. Na rua, os trabalhadores das barraquinhas finalmente encerravam o expediente. Alguns sentavam para comer enquanto outros recolhiam as mesas e cadeiras das calçadas. Depois da perfeição quase blasé de Singapura, a Tailândia nos recebeu com muitos cheiros, barulhos e o caos digno de um lugar cheio de vida. Bem mais aconchegante.

O hostel fica ao lado de uma casa de massagens e logo em frente a um restaurante de ensopado de barbatana de tubarão. Se o outro lado do mundo tem uma cara, é essa.

Esse é o nosso último destino antes de voltar a Barcelona – e últimos destinos são sempre um tanto prejudicados. Seja pela pouca energia ou dinheiro restantes ou por já estarmos mais acostumados com “o diferente”. Mas Bangkok não me parece o tipo de lugar que passaria despercebido.

É manhã.

Já dancei no chuveiro desse banheiro com paredes mal pintadas, tomei café e refiz o meu curativo na perna. Estamos deitados, meu cabelo ainda molhado enrolado na toalha e o corpo descansando só mais um pouquinho. A pele gelada pelo ar condicionado, fugindo do mormaço quente que insiste em entrar pela fresta da janela.

Deveríamos ter saído, mas estamos aqui escutando uma versão esquisita de “Come as You Are” do Caetano e jogando conversa fora. Essa ânsia de querer ver tudo às vezes nos impede de sentir a energia singular de cada lugar. Por isso, volta e meia vamos mais despacito, suave, suavecito.

Até porque vejo uma graça toda especial em estar em meio a tanto para descobrir e ainda assim não ter pressa. Os instantes antes de sair para explorar a cidade sobra a qual tanto li e pesquisei tem um charme sutil. Sinto como se estivesse guardando as últimas páginas do meu livro preferido só para viver mais um pouco na ignorância de não saber o desfecho.

Então lá vamos: a desvendar o não-mistério dessa cidade grande do lado de cá.

ChinatownProcessed with VSCO with c8 presetChinatownProcessed with VSCO with c7 presetWat PhoProcessed with VSCO with c7 presetWat PhoProcessed with VSCO with al2 presetMango Sticky Rice Processed with VSCO with c7 presetFlower MarketProcessed with VSCO with c7 presetFlower MarketProcessed with VSCO with c7 presetProcessed with VSCO with c7 presetTuk Tuk

Processed with VSCO with c7 preset

02909006-0D6A-4E3E-B6EA-A04B5BFE1D8A.JPGWat ArunProcessed with VSCO with c7 presetProcessed with VSCO with c7 presetProcessed with VSCO with c7 presetWat PhoProcessed with VSCO with c7 presetProcessed with VSCO with c9 preset

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

w

Connecting to %s